Sabemos que uma máquina, mesmo que hidráulica, não é capaz de funcionar sozinha. Ela depende de outros fatores e acessórios para conseguir atingir sua produção máxima. 

Neste artigo iremos falar sobre a relação da produtividade de uma máquina e o uso de acessórios como central dosadora de concreto, misturador com grande capacidade, esteira transportadora, sistema de paletização, etc., para que seja possível atingir uma produção diária máxima com esse equipamento.

Em um primeiro momento, durante a conversa inicial com o cliente é bastante comum sermos indagados com a seguinte pergunta: Qual é a produção diária do equipamento? 

Nossa resposta a esta pergunta é: depende daquilo que você consegue entregar para o equipamento! 

Vamos justificar esta resposta utilizando-se como exemplo nossa máquina BL3000H Hidráulica com alimentador de tábuas e esteira de saída. Em agosto de 2021 essa máquina está saindo por R$ 69.000,00. 

Essa máquina tem produção estimada de até 3.000 blocos por dia. 

Mas por que falamos em produção estimada? 

A resposta é simples: se levarmos em consideração uma jornada de produção de 8 horas, é possível chegar em um número próximo de 3.000 blocos ao dia.

Mas como isso? 

Devemos levar em consideração que a maioria dos clientes que estão iniciando seu negócio não possuem equipamentos como uma central dosadora de concreto, um misturador com grande capacidade, uma esteira transportadora ou um sistema de paletização. 

Todos esses acessórios combinados permitem fornecer massa suficiente ao equipamento (misturador, central dosadora e esteira transportadora), retirada do produto final (esteira de saída) e armazenamento eficiente (robô paletizador). 

Se considerarmos 3.000 blocos estruturais de 14, que pesam em média 12 kg cada, no final, esses 3.000 blocos pesariam o total de 36.000 kg. 

Para chegar a essa produção, é necessária a utilização de uma quantidade muito grande de massa, ou seja, teria que misturar esse volume, jogar isso para dentro de um misturador e colocar dentro da máquina, onde esse material irá ser prensado para formar o bloco. 

No dia seguinte teria que paletizar esses 3.000 blocos para somente então iniciar uma nova produção. 

Sem esses equipamentos seria praticamente impossível chegar nesse ponto!

Lembra da pergunta inicial que fizemos, sobre qual seria a produção diária do equipamento? 

Agora é possível compreender a resposta, pois a produção diária depende exatamente daquilo que você consegue entregar para o equipamento, ou seja, o equipamento reproduz exatamente aquilo que for colocado nele.

Usamos como exemplo nossa máquina hidráulica BL-3000H, mas no caso de uma máquina pneumática ou manual, é importante entendermos que essa proporção irá diminuir drasticamente. 

Conclusão:

Então, como atingir a produtividade máxima do meu equipamento? A produção diária depende exatamente daquilo que você consegue entregar para o equipamento. Se você possui condições e equipamentos necessários para alimentar a máquina, poderá atingir a  produção diária máxima. 

Principais aprendizados:

  • A produção diária não depende apenas da máquina que irá adquirir para iniciar o seu negócio;
  • Para atingir a produção máxima de sua máquina é preciso entender que isso dependerá dos equipamentos que a empresa dispõe para alimentar essa produção;
  • Leve também em consideração os equipamentos para retirada da máquina e estocagem dos blocos ou pavers produzidos.

Quer saber um pouco mais sobre esses acessórios para aumentar a produtividade da sua fábrica?  Fale agora mesmo com um de nossos consultores pelo Whatsapp para tirar todas as suas dúvidas: https://bit.ly/3fNdFZG