Este artigo é uma continuação do “CONCRETO SECO: AFINAL, DO QUE ESTAMOS FALANDO?“.

Neste artigo vamos abordar as três últimas propriedades mais importantes do concreto seco: densidade, absorção e resistência, que juntamente com coesão e compacidade nos ajudam a desvendar este material tão bacana de trabalhar.

Lembrando que estamos dando uma “pincelada” sobre os temas e depois iremos abordar com mais detalhes cada um deles.

3-DENSIDADE

A densidade é, de modo simples, a relação entre uma determinada massa de material e o volume ocupado por ela. Quanto mais material estiver ocupando um mesmo volume, mais densa será esta mistura.

Em termos de concreto, esta é uma propriedade ligada diretamente ao grau de compacidade da mistura. Quanto mais compacta a mistura, maior a sua densidade. Quanto mais densa é uma peça de concreto, mais resistente ela é. Vamos explorar isso mais tarde quando falarmos sobre o controle da produção.

4- RESISTÊNCIA À COMPRESSÃO

A resistência a compressão de um concreto seco é função não somente do fator água:cimento mas, e principalmente, da energia empregada pelo equipamento para compactar a mistura no molde. Quanto maior for a energia utilizada para promover a compactação da mistura, maior será a sua densidade e consequentemente maior a resistência da peça no estado endurecido.

Evidentemente a vibração atua neste processo; ela atua “amolecendo o esqueleto da mistura” para que a compressão faça a sua parte. O “esqueleto” é formado principalmente pelos agregados graúdos: pedrisco, granilha, etc.

A expressão “fator água:cimento” também pode ser nova para você, mas não se preocupe, falaremos sobre isso também um pouco mais pra frente. Você vai entender também qual a relação com o equipamento.

5-ABSORÇÃO

A absorção está diretamente ligada à densidade do concreto seco. Quanto menor a densidade, supõe-se a existência de maior quantidade de vazios e, portanto, maior a sua capacidade de absorver fluidos. A grande dificuldade se dá quando estes vazios se interligam. A ocorrência de determinados problemas com as peças de concreto está ligada a este fator.

Muito bom. Com esta rápida exposição mostramos as principais propriedades do concreto seco. Nos próximos artigos traremos detalhes sobre cada uma. Como não se pode separar o concreto do equipamento, como já perceberam, sempre iremos introduzir comentários neste sentido. Até o próximo artigo.

Esse artigo é uma contribuição de FATEL & FILLA LTDA para o blog da WM Máquinas.


Esse artigo é uma contribuição do Professor  Julio C. Filla para o blog da WM Máquinas. Instagram: @julio_filla | Linkedin | Whatsapp: (43) 99966-1966