No artigo anterior esclarecemos de que modo o tipo de equipamento interfere na quantidade de blocos que pode ser obtida com um saco de cimento de 50kg.

O que se concluiu foi o seguinte: quanto maior o poder de compactação e vibração da máquina, maior a quantidade de agregado que pode ser acrescentado e, consequentemente, maior quantidade de blocos pode ser produzida.

Atualmente os blocos são classificados em três categorias pela NBR 6136, em função da resistência (Tabela 1):

Tabela 1 – classificação dos blocos de concreto

CLASSIFICAÇÃO

CLASSE

RESISTÊNCIA À COMPRESSÃO (MPa) (fbk)

COM FUNÇÃO
ESTRUTURAL

A

fbk > 8

B

4 < fbk < 8

COM OU SEM FUNÇÃO
ESTRUTURAL

C

fbk >3

 

Via de regra, quanto maior a resistência, menor quantidade de blocos poderão ser produzidos com um saco de cimento.

A resistência está relacionada, entre outras coisas, ao teor de cimento presente na mistura. Para observar corretamente a influência deste parâmetro é necessário selecionar um tipo de equipamento, por exemplo, uma máquina hidráulica.

As máquinas hidráulicas permitem a obtenção das 3 classes de blocos.

As pneumáticas ficam restritas a blocos da classe B e C, e as manuais apenas a blocos classe C, porém, com consumo elevado de cimento.

A tabela 2 mostra sugestões de traços, para uma máquina hidráulica, considerando a resistência do bloco e a utilização de um cimento composto.

Tabela 2 – Sugestão de traços para máquinas hidráulicas em função da resistência do bloco.

Traço

RESISTÊNCIA À COMPRESSÃO (MPa)
(f
bk)

2,0

4,0

6,0

8,0

10

1:16

1:14

1:12

1:10

1:8

FONTE: Fernandes (2008)

 

Como é possível perceber, quanto maior a resistência menor quantidade de agregado pode ser incorporada à mistura.

Se o teor de umidade da mistura estiver em 6% e as quantidades medidas em massa, sendo o peso de um bloco de vedação 14 x 19 x 29 cerca de 8,5kg, pode-se elaborar a tabela 3, que registra a quantidade teórica de blocos possíveis de serem moldadas com um saco de cimento.

Tabela 3 – Massa da mistura e quantidade de blocos em função da resistência, produzidos em máquina hidráulica.

RESISTÊNCIA À COMPRESSÃO x QUANTIDADE DE
BLOCOS

RESISTÊNCIA (MPa)

2,0

4,0

6,0

8,0

10

MASSA MISTURA (kg)

848

742

636

530

424

QUANTIDADE DE BLOCOS

100

87

75

62

50

 

Dessa forma fica demonstrada a influência da resistência na quantidade de blocos.

Estamos falando aqui de uma máquina hidráulica, se a máquina for pneumática as resistências possíveis de serem atingidas serão menores e com consumo de cimento um pouco maior. O mesmo comportamento se espera de uma máquina manual.

Ainda falta tratar de um item para esclarecer bem esta pergunta: qual a influência do tipo de bloco?

Até o próximo artigo.